No ar
SHOW DA CIDADE
Segunda, 10 de dezembro de 2018
82 998044970
Brasil

01/12/2018 ás 17h01

16

Redacao

ATALAIA / AL

Saiba o que fazer se você não recebeu a primeira parcela do 13º
Empresas tinham até sexta-feira (30) pra pagarem a gratificação ao trabalhador. Funcionário pode fazer denúncia no Ministério do Trabalho
Saiba o que fazer se você não recebeu a primeira parcela do 13º
ECONOMIA

O trabalhador que não recebeu a primeira parcela do 13º salário até sexta-feira (30) deve procurar ajudar para garantir o benefício.


De acordo com o Ministério do Trabalho, “todo trabalhador que atuou por 15 dias ou mais durante o ano – e que não tenha sido demitido por justa causa – tem direito à gratificação. Quem se desligou da empresa deve receber pagamento proporcional ao período trabalhado”.


A advogada trabalhista Ana Cláudia Martins Pantaleão afirma que o primeiro passo é tentar um acordo com a empresa para que o 13º salário seja pago.


 

— O próprio sindicato da categoria pode auxiliar na negociação, já que neste caso, outros trabalhadores não devem ter recebido o 13º.


Se o acordo não for possível, o funcionário deve fazer uma denúncia ao Ministério do Trabalho. De acordo com a pasta, a “ empresa que não fizer o pagamento no prazo pode ser autuada por um auditor-fiscal do Ministério do Trabalho e pagar multa pela infração”.


Para fazer a reclamação, segundo Ana Cláudia, é recomendado que o trabalhador leve a CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social) e o contrato.


— É a empresa que tem que provar que fez o pagamento.


O Ministério do Trabalho alerta que “com a modernização trabalhista, é proibido que convenção e/ou acordo coletivo de trabalho suprimam ou reduzam o 13º salário. Para os contratos intermitentes, o empregado recebe também o proporcional, mas ao final de cada prestação de serviço”.


Adiantado


É importante o trabalhador checar se o pagamento da primeira parcela foi depositado em outro momento do ano. O valor pode ser pago entre 1 de fevereiro e 30 de novembro.


Há casos em que o próprio funcionário pede para receber a parcela com a remuneração de férias.


Se o trabalhador tirou férias em março deste ano, por exemplo, e pediu para receber o salário das férias mais a primeira parcela do 13º, não haverá pagamento do benefício em novembro. A segunda metade da gratificação será realizada até o dia 20 de dezembro.


Aposentados e pensionistas


Os aposentados e pensionistas recebem o 13º em datas diferentes do restante dos trabalhadores. A primeira parcela foi paga nos meses de agosto e setembro, enquanto o pagamento da segunda vai do dia 26 de novembro a 7 de dezembro deste ano, de acordo com o valor da aposentadoria e do número final do benefício.


*R7

FONTE: R7

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium