radio
Nova Secretária
“Me sinto privilegiada de ser mulher e ter conseguido”, diz nova secretária da Secti
“Me sinto privilegiada de ser mulher e ter conseguido”, diz nova secretária da Secti
11/05/2019 11h12Atualizado há 1 semana
Por: Redacao
Fonte: Cadaminuto
1.880
Se depender dela a mesma sera sim pré candidata a cidade de Atalaia
Se depender dela a mesma sera sim pré candidata a cidade de Atalaia
Cecília Rocha

No comando da pasta da Ciência, Tecnologia e Inovação, Cecília Rocha ficou por anos à frente da secretária de Assistência Social na cidade do Pilar e criou vários projetos para a comunidade pilarense, entre eles o Prato Cheio que contempla mais de duas mil famílias carentes. Recentemente, o governador Renan Filho terminou as mudanças no governo e empossou Cecília como secretária da Secti.

O Cada Minuto entrevista deste sábado traz uma matéria com Cecília Rocha que falou sobre a retomada do Polo de Tecnologia e projetos que a secretaria pretende lançar no futuro. A secretária também comentou sobre o desafio de ser mulher e sobre o nome dela ser cotado para as eleições da cidade de Atalaia no próximo ano.

 

Confira a entrevista abaixo:

Quais são os novos desafios como secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação?

O maior desafio hoje, aqui, é a retomada do Polo de Tecnologia da Informação. Não só a retomada, mas a gente tem de desafio a habitação do Polo. Porque não adianta a gente só entregar um prédio sem ter uma ideia de como vai habitar ele. Então para isso o Governador contratou a uma empresa que vai prestar consultoria e que vai apresentar os novos modelos de ocupação do Polo para que junto com o Governador a gente possa decidir como vai habitar o Polo.

Antes de assumir a Secti você pensou em algum projeto?

Antes de assumir comecei a estudar, me dedicar bastante, e o que a gente poderia fazer aqui, para a Secretaria da Ciência da Tecnologia e Inovação? E eu pensei no em um programa que a gente gosta muito que é o programa Vida Nova nas Grotas. Colocar aquelas bicicletas compartilhadas para fazer uma cidade mais inteligente. E também o monitoramento daquelas câmeras, que a gente está lançando no Pilar o primeiro carro do Estado de Alagoas com câmera de reconhecimento facial. Que já é usada em outras grandes capitais para ver pessoas foragidas, enfim. É com esse tipo de tecnologia e inovação que a gente pretende dar continuidade aqui, ao trabalho.

Como você se sente sendo uma mulher a estar ocupando essa pasta no governo?

Me sinto uma privilegiada. De ser mulher, de ter conseguido, de ter conquistado o meu espaço. Que a gente sabe que as mulheres hoje em dia estão cada dia mais conseguindo conquistar nosso espaço (seu espaço). A gente sabe que nem sempre é fácil, mas é uma honra fazer parte de um governo tão sério, tão comprometido e que vem mudando a história de Alagoas.

Quais são os seus planos como secretária?

Meus planos, aqui como secretária, como eu já havia dito, primeiramente é o Polo. E fora o nosso Polo, que a gente quer ter como marco, a retomada do Polo, a gente tem os nossos dois Polos: um em Arapiraca e um em Batalha, que a gente vai começar a entrar um pouco mais um pouco nos Polos. A gente quer fazer aulas de robótica nas comunidades carentes, implantar o sistema Include para as comunidades carentes. E a gente quer também, na área da ciência, dar um passo a frente junto com a Fapeal, junto com o ITEC, junto com o IMEC, que são grandes parceiros nossos aqui, para que a gente possa realmente trabalhar cada vez mais.

Por muito tempo você foi secretária da Assistência Social. Como você avalia esse balanço de tudo o que você fez em Pilar?

Ser secretária de Assistência Social em Pilar, no primeiro momento, foi aquele choque. O pessoal me julgava muito dizendo "Ah, será que ela aguenta? Ela só está ali no cargo porque é esposa do prefeito." E cada dia que eu escutava isso, cada dia eu trabalhava mais. E assim a gente conseguiu fazer projetos como o Bolsa Viva Bem Pilar, que hoje em dia a gente tem 1.200 pessoas. O Projeto Prato Cheio, que é o projeto da sopa, que a gente já contempla 2.400 famílias. Os Craques do Futuro, que a gente têm 300 crianças jogando futebol. Que é a nossa escolinha de futebol, que eu me orgulho bastante.

A gente tem também, que a gente criou lá (em Pilar), que foi o maior sucesso, o Mamãe Coruja, que quando as mães estão grávidas, a gente contempla com Books, fora toda a assistência que a gente têm. Então, o Viva Bem, o Prato Cheio, o Craques do Futuro, e o Mamãe Coruja, são os nossos maiores programas na secretaria de Assistência Social. Fui muito feliz lá. Me superei a cada dia, e chego aqui na secretaria da Ciência da Tecnologia e da Inovação com essa mesma missão, mesmo entusiasmo, vontade de fazer muito, de crescer, de contribuir para Alagoas. A minha missão agora é servir ao nosso Estado de Alagoas.

Muito se fala que você quer se candidatar a prefeitura de Atalaia. O que você acha sobre isso? Quais são os seus planos?

Eu comecei a andar em Atalaia na eleição da nossa deputada Fátima. E com as minhas andanças lá senti essa necessidade. As pessoas diziam "você tem que vir para cá." Está nos meus planos sim. Mas eu serei candidata se estiver nos planos de Deus. Meu futuro a Deus pertence. Quero ajudar aquela cidade a mudar. Quero fortalecer Atalaia assim como fiz em Pilar. Quero mudar as vidas das pessoas, assim como a gente conseguiu em Pilar. Eu, o prefeito Renato Filho, que muito apoia as causas sociais. Sem o prefeito Renato Filho eu nada teria feito. Ele é um entusiasta. E eu tenho vontade e motivação para fazer igual em Atalaia.

E aqui para a secretaria de Ciência de Tecnologia, a gente têm planos de experimentar uma Feira de Ciências para alunos do Ensino Fundamental e Médio, para eles terem a iniciação da vida na ciência. A gente tem muita gente boa aqui em Alagoas. A gente as nossas Startups, que eu fortalecer as Startups. Quero dar continuidade ao Sururu Vale que é o nosso ecossistema das Startups. Tenho participado de reuniões com Startups. Estou buscando parcerias com o Sebrae, ITEC, Fapeal, IFAL.

E esse ano, em Outubro, a gente vai ter a Semana da Ciência e da Tecnologia. Alagoas é hoje a 7ª no ranking racional da ciência. E a gente quer que Alagoas chegue ao topo. E que Alagoas seja reconhecida como a nº 1 na ciência. Além disso, temos buscado parceiras com as Universidades, porque é muito importante esse vínculo, para que a gente consiga construir mais e fazer mais pelo nosso Estado.

 

*Estagiário sob a supervisão da editoria

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Atalaia - AL
Atualizado às 11h43
32°
Muitas nuvens Máxima: 32° - Mínima: 22°
35°

Sensação

19.9 km/h

Vento

52.3%

Umidade

Fonte: Climatempo
FARMACIA POPULAR
PINHEITO PROMOÇAO 2
PINHEITO PROMOÇAO
PROF LESSO
Anúncio arranha-céu MF INFORMATICA
Municípios
Banner sessão política
Últimas notícias
Banner abaixo sessão esportes IMPERIO
Banner sessão esportes INOVAR
QUINHO DO PORTAO
Mais lidas
Banner sessão entretenimento
Banner ao lado dos blogs WEBE FIBE